“1822”, DE LAURENTINO GOMES, TERÁ EDIÇÃO COMEMORATIVA

0
146

O próprio Laurentino Gomes informou, no seu Facebook, que a sua obra “1822”,  editado pela Nova Fronteira, será relançado em edição comemorativa ao Bicentenário da Independência.

A edição – conta o autor – terá as contribuições de três grandes historiadores brasileiros, Heloísa Murgel Starling, Jean Marcel Carvalho França e Jurandir Malerba. A obra, que será editada com capa dura,  começa a ser distribuída às livrarias pela @globolivros em maio e também estará disponível aos leitores, juntamente com o terceiro volume de “Escravidão”, na Bienal de São Paulo, que este ano começa no dia 2 de julho, a data da expulsão das tropas portuguesas da Bahia em 1823, responsável pela consolidação da independência do Brasil. 

“1822” foi resenhado pelo autor com a seguinte expressão: “1822 – Como um homem sábio, uma princesa triste e um escocês louco por dinheiro ajudaram D. Pedro a criar o Brasil – um país que tinha tudo para não resultar”.

Leave a reply