Dia dos Namorados: 4 dicas para economizar na hora de comprar o presente

0
49

 Especialista orienta cuidados para agradar quem se ama sem contrair dívidas


 No próximo domingo, 12 de junho, será comemorado o Dia dos Namorados. Segundo uma pesquisa recente da NielsenIQ, os brasileiros pretendem gastar, em média, R 481,00 no presente, 74% a mais do que no ano passado. Entre tantas opções, como roupas, sapatos, acessórios e até um jantar, é preciso ficar atento para não fugir do orçamento, correndo ainda o risco de comprar algo que a pessoa não goste ou não precise e assim acabar contraindo uma dívida desnecessária.

 “Essa é uma data em que o mais importante é a relação e a demonstração de amor e de carinho. Não vale a pena se endividar para comprar algo caro, nem mesmo assumir um parcelamento, pois isso afeta as despesas futuras. É importante planejar e pesquisar bem antes de comprar qualquer coisa por impulso”, recomenda Thaíne Clemente, Executiva de Estratégias e Operações da Simplic, fintech de crédito pessoal online.

Pensando nisso, Thaíne separou quatro dicas para economizar na hora de comprar o presente, sem deixar de fazer dessa data um momento especial:

1- Estabeleça um valor limite

Antes de ir às compras, faça as contas e verifique seu orçamento. Coloque no papel o valor real que você pretende e pode gastar no presente, sem comprometer outros gastos. Com o valor exato de quanto pode usar, você encontrará o presente ideal dentro das suas condições.

“Em datas especiais, muitas vezes queremos agradar a pessoa amada sem pensar nas finanças. Isso é um erro. Quando o dinheiro é curto, fazer cálculos nunca é demais. Tenha em mente que o mais importante é o momento a dois e não o valor gasto no presente”, destaca Thaíne.

2-Pesquise antes de comprar

Não compre na primeira loja que encontrar. Pense em alguns possíveis presentes e pesquise os preços e as condições de compra em pelo menos três lojas e na internet.

 “Não deixe para comprar na véspera ou no dia, pois isso não lhe dará margem para uma pesquisa de preços. É importante verificar também as avaliações das lojas e dos produtos feitos por outros compradores e a reputação da empresa. Essas informações ajudam a evitar uma compra por impulso”, explica a especialista.

 3-Prefira pagar à vista 

Antes de optar pelo parcelamento, verifique quais serão suas obrigações futuras. Se o presente for caro e as parcelas couberem no orçamento dos próximos meses, parcele, mas dê preferência para o pagamento à vista. Possíveis atrasos podem acarretar em juros, negativação e descontrole financeiro.

 

“Há diversas vantagens no pagamento à vista e a maior delas vem na hora de pedir desconto. Muitos estabelecimentos diminuem o valor cobrado se você pagar o produto em dinheiro ou no débito. Assim você economiza mais do que o planejado”, sugere Thaíne.

4-Faça algo especial

Se o dinheiro for problema, use a criatividade e faça o presente com as próprias mãos. Pode ser um arranjo de flores, um café da manhã na cama, um cartão ou um porta-retratos que traga o registro de um momento especial.

 “Um piquenique, um jantar em casa ou uma sessão de cinema com pipoca no sofá da sala também ajudam a não deixar a data passar em branco e são formas simples e de baixo custo para demonstrar o seu amor”, finaliza a executiva.


 

 

 

Leave a reply