TARTARUGA RESGATADA EM FLORIANÓPOLIS EXPELE LIXO POR UMA SEMANA

0
37

Tartaruga chamou a atenção pela quantidade de resíduos expelidos: plástico, fio de nylon, barbante e um pedaço de tampa de garrafa

S R3 Animal, associação ambientalista de Santa Catarina, resgatou uma tartaruga-verde  de uma fazenda de pesca em Florianópolis e o animal chamou a atenção dos pesquisadores por causa da quantidade de resíduos em suas fezes.

De acordo com a equipe da R3 Animal, entre os objetos expulsos estão plástico, fio de nylon, barbante e um pedaço de tampa de garrafa.

Mas a tartaruga, de 5,3 quilos, está respondendo bem ao tratamento de reabilitação que está sendo realizado pelo Projeto Tamar, devendo retornar à natureza em breve.

Segundo a veterinária Joyce Bitencourt, o animal aparentava estar deprimido nos primeiros exames, mas reativo aos estímulos.

 “No dia seguinte, já tive uma melhora na consciência. E, no teste em sala com água salgada, mostrou boa postura, com movimentos coordenados de natação e reflexo respiratório adequado”, explica Joyce

A tartaruga também tem uma lesão na base de uma de suas nadadeiras, que pode ter sido causada por uma rede de pesca, segundo o profissional.

A técnica de monitoramento da R3 Animal, Paula Azevedo Figueiredo, resgatou a tartaruga na semana passada, após a associação ter sido acionada por pessoas. O réptil foi então entregue ao Projeto Tamar, responsável pela reabilitação das tartarugas.

Lixo expulso desde que entrou no Tamar; resíduos recém expelidos flutuam na água — Foto: Nilson Coelho/R3 Animal

Crédito: R3

 

Leave a reply