Cadeia Pública de Cotia será desativada até agosto

  • PDF

A cadeia de Cotia será desativada até agosto deste ano, segundo previsão do Governo do Estado.

A pretensão do Governo é desativar todas as cadeias do Estado e a de Cotia - considerada pelo Conselho Nacional de Justiça como uma das piores de São Paulo (leia sobre) - pode ser uma das próximas a serem fechadas.

No início de abril a cadeia de São Roque foi desativada, sendo a 30ª desocupada desde 2011. A de Cotia deve ir no ‘embalo’ em breve. Os rumores que surgiram na cidade em abril eram de que isso aconteceria neste mês de maio.

Segundo o delegado assistente de Cotia, Elcio Luiz Bellini - responsável pela cadeia pública e que no momento substitui o titular, Antonio Sampaio - a determinação é para que todas as cadeias masculinas sejam fechadas até agosto.

Sobre a situação da cadeia de Cotia, o delegado disse que o clima entre os presos é calmo e que não há riscos de fuga. Para ele, as blitz e vigilâncias constantes feitas pela Polícia Civil dentro da cadeia inibem a ação dos criminosos em relação à tentativa de fugas.

O delegado conta que desde que assumiu o cargo, em março de 2012, não houve nenhum incidente e apenas algumas apreensões de drogas e celulares, levados em dia de visita íntima foram registradas.

A população carcerária da cadeia de Cotia oscila entre 150 e 160 presos, mas no mês passado chegou a 185, segundo apurou nossa reportagem.

Em 2009 o cotiatododia foi o primeiro veículo de imprensa a entrar na cadeia de Cotia e na época havia mais de 400 presos amontoados. Em março do ano passado a cadeia chegou a ter 256 presos (leia sobre).

Governo quer mandar presos para CDPs

De 2011 a 2013, foram desocupadas 30 cadeias públicas – 19 em 2011, 10 no ano passado e uma em 2013. Com isso, houve uma redução do número de presos sob custódia da Secretaria da Segurança Pública que, em 2010, respondia por 7.241 detentos e, atualmente, possui 5.205 presos.

Em 2000, o Estado de São Paulo tinha uma população carcerária de 92.186 presos; desse total, 35%, ou 32.319 detentos, estava em cadeias públicas. Hoje, essa quantidade caiu para 2,55% - são 5.205 presos em cadeias públicas de uma população carcerária de 203.645 detentos.

Os presos das cadeias serão transferidos aos CDPs – Centro de Detenção Provisória.

Leia mais

Presos voltam a ocupar cadeia de Cotia

 

Cadeia de Cotia começa a ser desativada

 

Câmera Raposo »

Câmera Raposo tavares
D.E.R. - VIA OESTE

Tempo em Cotia »

Climatempo
Climatempo

Mapa de Cotia »

Google Maps
Google Maps

Finanças »

Indices Econômicos
Bovespa

Telefones Úteis »

Avatar
Serv. Emergência